Buscar
  • Admin

COMO PREVENIR E REDUZIR AFASTAMENTOS NO TRABALHO?


Todos nós que desenvolvemos nossa profissão em empresas dos mais diversos segmentos sabemos que as equipes costumam se enxutas e as atividades definidas entre cada membro dessa equipe.

Dessa forma, quando um funcionário falta ao trabalho, toda a equipe sente o impacto de sua ausência. Imagine então, se esse funcionário se ausentar por longo período, por conta de acidentes ou doenças ocupacionais. Infelizmente somente nessa hora que muitas empresas irão sentir as consequências de não investir em prevenção e na saúde de seus funcionários


QUAIS AS CONSEQUÊNCIAS DO AFASTAMENTO NO TRABALHO?

Para o Empregado:

Para o trabalhador que se afasta do trabalho, além das dores advindas da causa que o levou a se afastar, ainda pode sofrer com pressões psicológicas, por estar fora de seu ambiente de trabalho, deixando de crescer profissionalmente e se envolver com a empresa, o que poderia lhe trazer oportunidades. Essa situação traz a sensação de improdutividade, o que é prejudicial para qualquer pessoa.

Existem ainda os impactos financeiros, pois a renda pode ser reduzida em até 40%. As preocupações com os impactos sentidos pela família aumentam as “dores emocionais”, levando a um ciclo de tristeza e preocupação que dificulta o tratamento e pode levar à depressão.


Para o Empregador:

Quando um trabalhador é afastado o primeiro impacto é sentido pela equipe. No âmbito psicológico uma equipe costuma se tornar mais “desconfiada” de seu ambiente de trabalho. Afinal, “se isso aconteceu com ele, pode acontecer comigo”. Além disso o resto da equipe terá que dividir o trabalho do colaborador ausente, o que pode levar a uma sobrecarga, estresse e insatisfação geral. Em alguns casos a empresa poderá contratar temporários ou outros funcionários para substituição temporária do colaborador afastado. Tudo isso tem um impacto financeiro e produtivo considerável. Talvez a pior das consequências pode ainda ser uma ação

judicial movida pelo empregado afastado que, se bem-sucedida, pode causar prejuízos consideráveis à empresa.


QUAIS AS PRINCIPAIS CAUSAS DO AFASTAMENTO NO TRABALHO?

De acordo com dados do INSS, as causas de afastamento do trabalho são acidentes, doenças ocupacionais e doenças psicossomáticas. Abaixo vamos ver as 5 principais:

1- Acidentes de trabalho – Em geral fraturas e lesões decorrentes da atividade desempenhada sem procedimento adequado ou ignorando a necessidade de uso de equipamento de proteção


2- Dores nas Costas – As dores nas costas são normalmente decorrentes de má postura, falta de exercícios físicos e preparação para a atividade laboral.


3- Lesão por Esforço Repetitivo (LER) – Para quem acha que somente os trabalhos braçais e pesados podem causar lesões, a LER é a principal responsável pelo afastamento de trabalho em ambiente de escritório.


4- Estresse – Seja no trabalho ou fora dele, o estresse é responsável por boa parte dos afastamentos. Essa doença ainda é porta de entrada para quadros ainda piores, como a depressão e a Síndrome de Burnout.

COMO EVITAR O AFASTAMENTO NO TRABALHO

A máxima “Melhor prevenir do que remediar” encontra aqui seu sentido mais puro e verdadeiro. Os custos com a prevenção são bem menores do que as consequências de ignorar os riscos. Aqui apresentamos 4 ações que evitam o afastamento dos colaboradores:


1- Conheça a Ginástica Laboral: os exercícios preparatórios ou compensatórios para o trabalho são uma arma poderosa contra LER e outras doenças ocupacionais que podem afetar seus funcionários. Além de preparar o corpo para o trabalho, ainda traz inúmeros benefícios psicológicos, que reduzem o estresse e aumentam a interação da equipe.


2- Experimente um programa de Quick Massage Corporativa: a implementação de Quick Massage nas empresas é uma ação de baixo custo e fácil implantação, que traz um retorno muito rápido e facilmente mensurável, reduzindo consideravelmente os afastamentos no trabalho. A Quick Massage também foi apontada em estudos realizados com nossos principais clientes como um dos benefícios mais valorizados pelos funcionários.


3- Ofereça um Acompanhamento Psicológico: A depressão e estresse são doenças que levam a grande quantidade de afastamentos. Por isso várias empresas têm incentivado e por vezes oferecido acompanhamento psicológico à sua equipe. A implantação de um espaço para reflexão e relaxamento na empresa também é uma ótima ação de Endomarketing.


4- Conscientize seus Funcionários: A promoção de palestras educativas, orientativas e motivacionais auxilia muito na prevenção de várias doenças ocupacionais. Todos sabemos que o conhecimento é a chave para muitas portas. Ofereça conhecimento, realize a SIPAT anualmente e deixe seu funcionário sentir-se cuidado.


Quer nossa ajuda para reduzir e prevenir o afastamento de funcionário em sua empresa? Entre em contato com a Alivium Terapia e conheça nossas soluções em Saúde e Bem Estar Corporativo.

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon